sequoia sempreverde

nome popular – sequoia gigante
nome científico – sequoia sempervirens
origem – Estados Unidos da América, Califórnia
 
090517rw
—DISPONÍVEL—
 
fonte

foto 1: http://www.backyardnature.net/n/w/redwood.htm

foto 2: http://en.wikipedia.org/wiki/Sequoia_National_Park

foto 3: http://www.ecologicstation.com

texto: http://pt.wikipedia.org/wiki/Sequoia_sempervirens

A sequoia é um gênero da família Cupressaceae (alguns autores podem ainda classificá-la na família das Taxodiaceae, que, entretanto, foi substancialmente alterada, após novos dados filogenéticos). Em nossos dias contém apenas uma única espécie sobrevivente, a “Sequoia sempervirens“, nativa da América do Norte, especialmente na costa oeste dos Estados Unidos onde, na Califórnia, existem exemplares de até 4.000 anos. Uma delas, chamada Hyperion, é a árvore mais alta da Terra, com 115 m de altura.[1]415px-6209-GenShermanTree-SequoiaNatPark

O nome Sequóia também é usado como um termo comum para a subfamília Sequoioideae na qual este gênero é classificado junto com a Sequoiadendron (Sequoia Gigante) e a Metasequoia.

A espécie destaca-se pelo seu grande porte e longevidade. Pode viver por milênios e, neste período, ultrapassar os 100 metros de altura e algumas dezenas de metros de circunferência em sua base. Alguns exemplares nos Estados Unidos possuem troncos de cor avermelhada, tão robustos que permitiram escavar um túnel para a passagem de carros em suas bases. Outra característica da espécie, além do porte, é o tamanho relativamente curto de seus ramos laterais, concentrados na região apical da árvore, e as folhas estreitas distribuídas disticamente no ápice dos ramos.

Tem sido plantada em Portugal e na região Sul do Brasil, principalmente para fins ornamentais.

Os comentários estão fechados.